A Receita Federal lançou em julho o aplicativo para preenchimento do Rascunho da Declaração do Imposto de Renda de Pessoa Física de 2016.

Seu uso é facultativo, porém com ele é possível iniciar o registro das informações para a declaração IRPF 2016 ao longo do ano de 2015, facilitando o preenchimento oficial.

O Rascunho da DIRPF deste ano traz várias novidades, como:

  • Importação da DIRPF 2015 para iniciar ou complementar o Rascunho;
  • Informação sobre doações;
  • Inclusão do CPF do Responsável pelo Pagamento;
  • Inclusão de Rendimentos Isentos de Lucro na Alienação de Bens;
  • Inclusão de Função para Alteração da Palavra-chave.

É importante ressaltar que as informações salvas no Rascunho não constituem uma declaração IRPF. A declaração oficial deverá ser entregue normalmente na data estipulada. Esse rascunho é apenas para facilitar no processo final.

O aplicativo ficará disponível até o dia 28 de fevereiro de 2016 e pode ser importado pelos programas de preenchimento da Declaração do IRPF de 2016.

O contribuinte pode acessar o aplicativo do Rascunho da Declaração do IRPF 2016 diretamente na página da Receita Federal na internet ou por dispositivos móveis.

Acesse o site oficial da Receita e veja mais detalhes.

 

Fonte: Receita Federal