Eu preciso de um contador para abrir minha empresa?

Não existem limites para aqueles que sonham em se tornar um grande empreendedor. Você não precisa, necessariamente, de uma graduação, muito dinheiro no banco ou até mesmo experiência em negócios para começar algo que pode se tornar um sucesso. Entretanto, é necessário um planejamento sólido e a habilidade de enxergar além. Neste artigo, nós da Montezzi Consultoria iremos explicar como abrir uma empresa e a importância do papel do contador nesse processo.

1 – Autoavaliação

Começando pela questão mais básica, sem falar de contabilidade por hora, determine o motivo pelo qual você quer começar o seu negócio. Use essa questão como um guia de que tipo de negócio você quer começar. Se você busca um pouco mais de liberdade, talvez seja hora de deixar o trabalho tradicional e começar algo novo.

Depois que descobriu seu motivo, comece a se questionar em relação a que tipo de negócio você quer começar, e se você tem o que é preciso para executar a função.

  • Quais são suas skills (Habilidades)?
  • Qual o foco de sua paixão?
  • Qual é a sua área de especialização
  • Quanto você está disposto a gastar, tendo em mente que muitos negócios vão a falência.
  • Quanto capital você precisa?
  • Qual é o estilo de vida que você quer ter?
  • Você está de fato preparado para ser um empreendedor?

Seja brutalmente honesto com suas respostas. Isso vai criar uma base para todo caminho que você possa traçar, então é melhor saber da verdade agora do que mais tarde.

2 – Pense em uma ideia de negócio

Se você já tem uma ideia muito boa para o seu negócio, ótimo, já pode pular para o próximo item. Caso contrário, existem muitas formas de começar a pensar em uma boa ideia.

  • Pergunte-se sobre o que vem de novo por aí. Qual é a tecnologia ou avanço que está por vir, e como que isso pode mudar o quadro dos negócios? É possível estar a frente da curva?
  • Conserte algo que te incomoda. Pessoas tendem a querer menos coisas ruins do que ter muitas coisas boas. Se o seu negócio pode consertar algo para os seus clientes, você estará no caminho certo.
  • Aplique suas habilidades em um ramo completamente novo. Muitas empresas e indústrias fazem as coisas do jeito que sempre fizeram. Nesses casos, a visão de alguém novo e de fora pode fazer toda a diferença.
  • Use a abordagem que seja melhor, barata e rápida. Você tem uma ideia de negócio que é completamente nova? Se sim, pense sobre as ofertas atuais e mantenha o foco em como você pode criar algo melhor, mais barato e mais rápido.

Saia de sua zona de conforto e conheça pessoas, faça perguntas, busque conselhos de outros empreendedores mais experientes, pesquise ideias ou utilize qualquer método que faça mais sentido para você.

3 – Faça pesquisa de mercado

Todo mundo está fazendo a mesma coisa que você quer começar a fazer? Se não, existe algum bom motivo para isso? Realize a pesquisa de mercado sempre comparando um ponto ao outro, conhecendo pessoas do ramo e com pesquisa online.

Comece analisando seus potenciais rivais ou parceiros no mercado. Trace objetivos e estratégias para competir ou se unir. Tome cuidado para não cair onde a maior parte das pessoas erram. Nunca use somente opções secundárias de pesquisa, sempre olhe na fonte principal. Nunca utilize somente pesquisa online. E também, nunca foque somente nas pessoas que você conhece. A pesquisa de mercado deve ser realizada da forma mais ampla possível, arrisque-se no desconhecido.

4 – Obtenha Feedback

Deixe as pessoas interagirem com seu produto ou serviço e veja o que eles acham sobre. Lembre-se de que é sempre importante ter opinião de alguém com outro ponto de vista. Muitas vezes nos acostumamos ou não enxergamos alguns pontos que só podem ser vistos por alguém de fora.

Tenha em mente que alguns feedbacks, solicitado ou não, serão bons. Outros não. É por esse motivo que você deve ter um planejamento de como receber e avaliar os feedbacks.

Aqui demonstramos 6 passos de como lidar com feedback.

1. Pare! Seu cérebro provavelmente entrará em um estado de euforia e excitação assim que receber os feedbacks, e é possível que ele comece a tomar péssimas conclusões. Acalme-se e tome seu tempo para ouvir e entender meticulosamente o que você acabou de ver.

  1. Comece pelo “Obrigado”. Agradeça os comentários “negativos”. Quem faz esse tipo de comentário nunca espera um agradecimento. Com isso você ganha respeito e incentiva as pessoas a continuarem com a honestidade no futuro.
  2. Busque sempre a verdade. Se alguém não gosta de alguma ideia sua, não significa que elas odeiam tudo que você diz. Lembre-se que essas pessoas estão tentando ajudar, e podem estar simplesmente apontando um problema menor ou uma solução que devia ser vista mais a fundo.
  3. Procure por padrões. Se você está ouvindo os mesmos comentários de pessoas diferentes, então é hora de se levantar e tomar consciência de.
  4. Ouça com curiosidade. Esteja disposto a iniciar uma conversa onde o cliente tem o controle da situação.
  5. Faça perguntas. Tente entender o porquê de alguém ter gostado ou não, de algo. Como você pode melhorar? Qual seria a melhor solução?

Outra maneira de lidar com feedback negativo é fazer um mural onde você deixa todos os feedbacks positivos, para inspiração. Feedbacks positivos tanto online quanto pessoal fazem uma grande diferença.

4 – Hora de oficializar seu sonho com a Montezzi

Tendo em mente o planejamento já podemos avançar para a etapa de abrir a sua empresa, CNPJ e tirar as licenças. Um bom planejamento evita a falência prematura e indesejada de uma empresa. E é somente com uma equipe contábil de qualidade que isso é possível.

Defina o segmento de atividade de sua empresa. Seja ela uma prestadora de serviços, indústria ou comércio atacadista.
Defina também, a Natureza Jurídica de sua empresa. Isso é uma classificação simplificada em que possibilita os órgãos públicos a criar e identificar empresas. As empresas se enquadram em diferentes programas e recebem benefícios e exigências específicas para cada tipo. Existem diversos tipos de natureza jurídica, porém, para empresas, somente algumas tais como EI (Empresário Individual), Sociedade Limitada, Sociedade Simples, Sociedade Anônima e EIRELI.

Junte e organize os documentos necessários para abrir uma empresa:
– 2 cópias simples do IPTU do imóvel;
– 2 cópias do Contrato de Locação ou Compra e Venda;                                                                                           – 1 cópia simples do comprovante de residência de cada sócio;
– 2 cópias autenticadas do RG e CPF de cada sócio;                                                                                                – Cópia da certidão de casamento, caso seja casado;                                                                                                 – Cópia da folha espelho do IRPF, caso tenha sido comprovado.

Após reunir a documentação deixe nas mãos da Montezzi. Nossos contadores contam com a experiência e o conhecimento necessário para abrir a sua empresa sem dor de cabeça.

Caso sua empresa atue com produção de bens e/ou vendas de mercadorias é necessária a Inscrição Estadual, uma espécie de registro feito na Secretaria Estadual da Fazenda ou na Receita Estadual. É com essa inscrição que permitirá o recolhimento do ICMS, o imposto sobre circulação de mercadorias e serviços. É obrigatório para quem atua com comércio, indústria, serviços de transporte intermunicipal e interestadual, energia e comunicação.

É nesse momento que você começa a perceber a importância de um contador em sua vida empreendedora. A solicitação deve ser feita através da internet, por um contador pré-autorizado. Toda essa questão burocrática já é rotina na vida de um contador e nós da Montezzi podemos ajudar.

Se sua empresa é uma prestadora de serviços é necessária uma permissão de funcionamento e é a Inscrição Municipal que permitirá isso, tendo o registro feito junto a Prefeitura Municipal. A inscrição é o que permitirá o recolhimento do ISS (Imposto Sobre Serviços).

Caso o seu comércio, indústria ou prestadora de serviços necessite de um estabelecimento para realizar as atividades é necessário um Alvará de Funcionamento. Esse documento é o que vai autorizar sua empresa de executar as atividades. O mesmo deve ser solicitado na Prefeitura.

Existem diversos outros procedimentos de regularização tal como o Cadastro na Previdência Social, Alvará da Vigilância Sanitária, Alvará do Corpo de Bombeiros, CADAN, INPI, entre outros não listados.

A Montezzi está aqui para facilitar sua vida.

É importante, nos dias de hoje, ter um setor especializado e competente para gerir todas essas questões. Afinal, a quantidade de documentos e permissões necessárias para deixar sua empresa funcionando 100% dentro da legalidade é imensa.

Por esse motivo é que nós da Montezzi oferecemos o melhor em consultoria financeira e corporativa. Regularizamos sua empresa sem dor de cabeça e com um atendimento único. Deixe sua contabilidade conosco e decole com o seu negócio!

Quer sair do emprego e montar sua própria empresa? Confira nossa dica

Entenda a abertura de empresa